Preocupas-te?

Preocupas-te?

Pré-ocupas-te?
90% daquilo que tu pensas não ocorre da forma que pensaste e os restantes 10% ocorrem de forma aproximada!

Viver com o que tens aqui e agora é o caminho. Usares esse pensamento que ocorre em ti como forma de libertares o imaginário, inovar e criar também é o caminho.

Deixares que esses mesmos pensamentos te controlem, que estejam em auto gestão é uma grande irresponsabilidade!

 

Preocupamo-nos em gerir/controlar tudo o que nos é exterior e deixamos a nossa mente tomar conta do que vive em nós!

Assume a responsabilidade de trazer clareza aos pensamentos que ocorrem em ti! Chega de seres ingénuo!

Como?

Vamos começar por um processo simples. A dica de hoje é transformadora e cabe-te a ti (sempre a ti) colocá-la em prática.

Duvida, discorda, questiona!

Quando um pensamento limitador tomar conta do teu espaço interior, duvida do mesmo, critica-o! No momento. Tens segundos para decidires como queres que esse pensamento se arquive em ti.

No começo um Grito Silencioso de Liberdade… Aos poucos… Um ato de amor e consciência por TI!

Deixe um comentário

* Campos de preenchimento obrigatório